Instituto Municipal de Previdência Social do Município de Cumaru

Conheça a Cidade

Gentílico: cumaruense

Histórico

LOCALIZADO à margem ocidental do rio Capibaribe o município já contava em 1908, segundo dados históricos, com 60 casas. Cumaru, anteriormente conhecido como Malhadinha, segundo o padre Montoya, significa alimento indigesto. Estudos relacionados aos apesctos físicos indicam que o clima do município é bom, frio e saudável.

Formação Administrativa

Distrito criado com a denominação de Malhadinha, pela lei municipal n 2, de 19-12-1892, subordinado ao município de Limoeiro.

Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o distrito de Malhadinha figura no município de Limoeiro.

Assim permanecendo em divisões territoriais datadas de 31-XII-1936 e 31-XII-1937. Pelo decreto-lei estadual n 235, de 09-12-1938, o distrito de Malhadinha passou a denominar-se Cumarú.

No quadro fixado para vigorar no período de 194-1948, o distrito de Cumarú figura no município de Limoeiro.

Pela lei estadual n 421, de 31-12-1948, o distrito de Cumarú teve sua grafia alterado para Cumarú.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1950, o distrito já grafado Cumarú figura no município de Limoeiro.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1-VI-1960. Elevado à categoria de município com a denominação de Cumarú, pela lei estadual nº 4966, de 20-12-1963, desmembrado de Limoeiro. Sede no antigo distrito de Cumarú. Constituído de 2 distritos: Cumarú e Ameixas. Desmembrado de Limoeiro. Instalado em 28-06-1964.

Em divisão territorial datada de 31-XII-1963, o município é constituído de 2 distritos Cumarú e Ameixas.

Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2005.

 

Alteração toponímica distrital

Malhadinha para Cumarú alterado, pelo decreto-lei estadual n 235, de 09-12-1938.

Alteração de grafia Cumarú para Cumaru teve sua grafia alterado, pela lei estadual n 421, de 31-12-1948.

Fonte
IBGE